Médico, novo Ministro do Desenvolvimento Social desconhece a área e ameaça participação social

As primeiras declarações do Ministro do Desenvolvimento Social, representante do golpe parlamentar de estado, o médico gaúcho Osmar Terra demonstram a completa desinformação do gestor sobre a importante área social do país. O Ministro, da equipe golpista que quer governar o país, informou que vai manter o Programa Bolsa Família para aqueles que trabalham e se a sociedade civil quiser luta política, vai ter.

O médico-parlamentar, que foi Secretário executivo do Programa Comunidade Solidária entre 1999  a 2001 não possui histórico ou qualificação para assumir a nova gestão da área social construída nos governos democráticos do Presidente Lula e Dilma que mudou o Brasil!!

Assiste-se à um retorno aos velhos e sombrios tempos, onde as indicações são de ordem politiqueira, sem a menor valorização da área. Este triste início demonstra que o pior dos passados bate novamente à porta de uma área que foi valorizada, qualificada e erigida como um dos mais fundamentais pilares da sociedade brasileira. Estamos diante de um pesadelo para a vida de milhões de brasileiros!

É preciso que trabalhadores, usuários e gestores do SUAS estejam atentos ao desmonte que aponta no horizonte curto de um burocrata que ainda se pauta na solidariedade como solução, bem ao gosto do atraso, do retrocesso e da ruína de valores democráticos.

Vamos nos manter atentos e fortes! O Mais SUAS estará vigilante e não colaborará com o desmonte golpista!!!

Sigamos juntos contra o golpe e o retrocesso!

Anúncios